Por que sentimos medo?

Quem nunca sentiu medo? Essa é uma pergunta bem fácil de se responder, pois tenho certeza absoluta que todos nós passamos por momentos em que essa sensação ou sentimento nos toma conta e não conseguimos controlar. 

O Que causa o medo?

Não se sabe ao certo o que causa o medo, mas temos plena certeza que nosso cérebro reage a situações ou estado de apreensão, de atenção, que o leve a entender que aquilo pode trazer sérios danos.

É importante ressaltar que o medo é um sentimento e um estado de alerta e instinto de sobrevivência humana.Uma pessoa que não tem medo com certeza morrerá rapidamente, pois se ela não possui esse sentimento, com certeza entrará em situações ou ações que o levará a morte, pois ela não tem noção de perigo. Por isso vale ressaltar que o medo faz parte também o instinto de sobrevivência humana.

Quais nomes damos ao medo?

Podemos dar vários nomes, pois ele se enquadra a várias sensações e sentimentos que sentimos. Veja alguns sentimentos relacionados:

Medo, Ansiedade e Angustia

A ansiedade é dos medos mais sofrido pela população mundial, fatos que ocorrem em sua vida, mortes, estresse, depressão, até mesmo angustia, acidentes, isso tudo leva o ser humano a tentar prevê o que irá acontecer ao seu redor e muitas dessas coisas acabam apenas iludindo e ludibriando o cérebro com algo que não vai acontecer.

Medo de amar ou de se aproximar de pessoas

Esse sentimento é mais complexo e não abrange muitas pessoas, isso acontece pelo fato desse indivíduo ter se decepcionado ou sofrido algum tipo de traição e acaba guardando no seu subconsciente e ativando um sentimento negativo que se torna um medo. Por essa razão ela vai se afastando de tudo e todos, perdendo o interesse de sair com amigos, se afasta dos familiares, e mais. A psicoterapia pode oferecer tratamento tanto para identificação da origem destes medos assim como forma de superação.

Medo segundo Freud

Freud utiliza o termo angustia. A psicanálise trabalha os medos e angustias de forma tanto a entender o porque dos medos como também objetivando sua superação.

Medo generalizado

Por ter sofrido vários traumas sentimentais e emocionais o indivíduo não consegue identificar o que está lhe trazendo o medo, sua mente anda tão confusa que não consegue distinguir o que está lhe trazendo o mal. A forma mais ideal para se tratar é buscar ajuda de um psicologo que lhe mostrará o caminho e as atitudes a ser tomadas para vence esse trauma.

Medo, Fobia e Pânico

geralmente esse tipo de sentimento está ligado há algo concreto, ter medo de algo físico como: altura, chuva, lugares, pessoas, animais, escuro, acidentes, carro, avião, palhaços, parque, tudo isso pode ser tratado com o auxílio de um psicologo que o ajudará a vencer esses medos e ultrapassar várias fronteiras.

Por: Gislene Mendonça

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Super Curiosinho © 2016 Super Curiosinho